Você esta aqui
Casa > Notícias > OFERTANDO O MELHOR

OFERTANDO O MELHOR

Coluna: Palavra de Fé | Colunista: Paulo Junior dos Santos | Publicado em 2018-02-23

ORAÇÃO

Querido Senhor, ajuda-nos a lembrar que cada oferta que fizemos reflete nossa devoção a Ti e ao trabalho. Sabemos que, quanto mais profundo é o nosso amor por Ti maior é o desejo de distribuir com os outros as bênçãos que derrama sobre nós.

Em nome de Jesus, Amém.


 

PALAVRA DE FÉ

OFERTANDO O MELHOR

Ele fez o que podia….

(Marcos 14:8)

Jesus dizia que o fariseu “…orava consigo mesmo…”, Dessa expressão podemos concluir que sua oração não alcançou seu destino, pois não era realmente, uma oração. Era exaltação própria.

Sua palavra chave era eu. Ele dava graças a Deus, mas seu pensamento girava em torno de si mesmo. Ele estava fazendo para si mesmo um relatório de saúde moral.

No entanto, foi sua oração que o traiu. Nela, ele comete um pecado mais grave que qualquer dos outros que evitara, o pecado de desprezar seu próximo, que estava orando com o espirito angustiado. O fariseu levou a Deus o seu orgulho: o publicano a sua vergonha.

Conta-se que, certa feita, um navio estava próximo das praias da Índia, não havia vento e o mar estava calmo. O capitão ordenou para que içasse as velas a fim de apanhar qualquer brisa que porventura passasse.

De repente, o capitão notou o movimento encapelado das ondas aparecendo na superfície do mar. Era um aviso de perigo eminente. Sem hesitar, ordenou à tripulação que amainasse as velas outra vez. Os marinheiros obedeceram às ordens do capitão, ainda que não compreendessem a sua razão.

O que se julga justo   encontra fechadas as portas do Céu para sua oração; mas o penitente, mesmo quando nem ousa pronunciar palavras, bate no peito e clama por misericórdia, a este, Deus concede paz.

Em nossa vida espiritual devemos estar atentos ao pecado e tão sensíveis como este capitão.

Devemos estar sempre alertas para ver as tentações, e a fazer tudo o que estiver ao nosso alcance, com o auxílio de Deus, com objetivo de evitarmos danos e o naufrágio de nossa vida.

Versículo do dia:

Aquele que semeia pouco também colhera pouco e aquele que semeia em abundância, colhera em abundância. (IICr 9:7)

Paulo Junior dos Santos é Cooperador na Igreja Assembléia de Deus Internacional de Danbury – USA

Comentários no Facebook

Top
%d blogueiros gostam disto: